Skip to main content
blog_8ps_thumb_2056---omo-Criar-Uma-Recompensa-Digital-Em-5-Pequenos-Passos_900x500_01

Como Criar Uma Recompensa Digital Em 5 Pequenos Passos

cta_8ps_livro_cta_pequeno_shortcode_01

Recompensa digital, ou isca digital, é uma técnica muito utilizada por empreendedores para conseguir atrair novos clientes para o seu negócio digital.

Ela funciona como uma barganha, uma moeda de troca. Se elas desejarem fazer o download do material que você disponibilizou (gratuitamente), em troca ela deve deixar o e-mail delas.

Dessa forma, o e-mail desta pessoa vai para a sua lista de contatos e você poderá iniciar um relacionamento com ela, enviando vários outros conteúdos gratuitos para engajá-la até o momento da venda.

A isca digital sempre é oferecida como um presente, basta a pessoa fornecer o e-mail para receber o material.

Mas nem todas as iscas digitais funcionam tão bem assim. Existem algumas regrinhas básicas que você precisa seguir para que ela funcione direito para o seu negócio digital.

Antes de tudo: nunca tente vender algo logo de cara para alguém da sua lista.

Esse é um erro que muitos principiantes costumam cometer, seja pela ansiedade de começar o seu negócio digital ou por querer gerar caixa rápido.

Tentar vender logo de cara pode diminuir as suas chances de venda por diversos motivos, entre elas, é que você ainda não construiu autoridade, ou seja, aquela pessoa não tem a mínima ideia de quem é você.

Pode até ser que a pessoa queira comprar o que você tem a oferecer, mas se ela não te conhece, não tem nenhuma recomendação sua, é muito provável que ela não vá comprar de você.

As vantagens de se criar uma recompensa digital para o seu público é que você não vai precisar se preocupar com:

  • Custos logísticos;
  • Custo de produção;
  • Entrega (ela será feita de maneira automática).

Além disso, com uma recompensa digital, você é capaz de segmentar a sua lista. Caso queira saber mais sobre segmentação de lista, confira o post Como Construir Uma Lista de E-mails Hiper Segmentada

5 Passos para criar sua recompensa digital:

1- Pesquise sobre a sua persona

A persona deve ser o representante ideal do seu público-alvo

Ter uma persona bem definida vai te ajudar a focar melhor nas dores do seu público e criar um produto mais focado para essas pessoas.

Conhecer melhor a sua persona, também fará com que você consiga mandar e-mails com uma qualidade melhor para ela.

Toda comunicação deve ser direcionada  a persona.

No marketing, as pessoas costumam focar em público-alvo para conseguir atingir mais pessoas.

No marketing digital, nós acreditamos que focando em apenas uma pessoa, você conseguirá atingir várias pessoas com a mesma dor.

Portanto, é importante você pensar em uma única pessoa e forcar nela.

Criar a persona é como fazer uma atividade.

Os primeiros passos é pensar em alguns dados, como os demográficos, por exemplo, sexo, idade e localidade.

Algumas questões devem ser levadas em conta para criar a sua persona, como por exemplo, o que ela procura, qual resultado ela espera obter.

O que pode te ajudar com a criação da persona é fazer um mapa da empatia.

Esse slide explica e te ensina o passo a passo do mapa da empatia http://pt.slideshare.net/CesarJavierFoisAcosta/o-mapa-da-empatia .

Bom, agora que você já sabe o que é persona e mapa da empatia, está na hora de coletar algumas informações.

Uma forma de você fazer isso é ler blogs, revistas, sites e até programas de televisão que a sua persona assiste.

2- Conteúdo

Não deve ser um conteúdo artificial, deve ser algo realmente valioso para ela. É estranho pensar em criar um conteúdo valioso gratuito, não é mesmo?

Mas é exatamente isso que vai te ajudar a criar autoridade e confiança para a sua audiência.

Você deve pensar o conteúdo da sua Recompensa da seguinte forma: “Que tipo de conselho posso eu, especialista nesse assunto, dar para uma pessoa que tem esse determinado problema?”

O material deve ser sucinto, apenas o necessário para ajudar a pessoa e criar a sua autoridade no assunto.

Não crie algo muito grande, pois as pessoas tendem a se assustar e ficar com preguiça de consumir ele por completo.

Também não pode fazer com que percam o interesse sobre o assunto – você tem que deixar aquele gostinho de “quero mais”.

3- Foque no problema da sua persona

Para que sua recompensa seja mais eficiente e chame mais a atenção da sua lista, você deve focar em um problema específico do seu público.

A partir do momento que você conseguir resolver um problema específico da sua audiência, você automaticamente se torna um referencial para ela, e ela passa ser sua seguidora.

4- Formatos

Os formatos de recompensa basicamente são:

  • E-book
  • Resenha
  • Review
  • E-curso (por e-mail)
  • Newsletter

Na Webliv, costumamos criar recompensas em formato de E-book, pois percebemos que nossa audiência gosta de baixar o conteúdo, ter algo tangível.

5- Terceirizar

Muitas pessoas que estão iniciando no marketing digital tem medo de começar a escrever/gravar a sua recompensa digital, pois querem que saia tudo perfeito.

Caso você seja inseguro em relação a sua escrita, ou alguma coisa do tipo, eu recomendo que você terceirize.

Existem diversos sites de freelancer em que você pode encontrar pessoas qualificadas para fazer esse tipo de serviço, aqui vão alguns deles:

Dica extra!

Algo muito importante que poucas pessoas não pensam no momento de criar a sua recompensa digital, é o título.

O título é um ponto importantíssimo para a sua recompensa, pois é ele que vai atrair as pessoas para fazer o download dela (ou não, caso ela tenha um título ruim).

Portanto, eu recomendo que você escolha um título que tenha a ver com o conteúdo da sua recompensa e que nele tenham as palavras-chave.

Conclusão:

Querer vender para alguém sem conhecê-la primeiro, pode diminuir as suas chances de conseguir realizar uma venda para essa pessoa.

Portanto, criar uma recompensa digital para solucionar uma dor especifica dessa pessoa pode ser uma ótima solução para criar autoridade e se tornar uma referência para ela, além de ser uma ótima oportunidade para reter aquelas pessoas e fazer com que elas voltem ao seu site.

O e-mail marketing é a ferramenta mais eficiente de vendas (se usado da forma correta). Capturando o e-mail dessas pessoas, você dá um grande passo no caminho da venda de seus produtos ou serviços (se você atingir a persona ideal).

 

cta_8ps_livro_cta_grande_shortcode_01

  • Olá Isabela, parabéns pelo artigo, ficou muito bom.

    De fato oferecer uma recompensa/isca em troca de um e-mail para só então desenvolver um relacionamento e fazer uma oferta, aumenta drasticamente a taxa de conversão em vedas, seja de inforprodutos, serviços ou produtos físicos.

    Você lembra daquela máxima de que: O conteúdo define audiência, bom definitivamente utilizando varias recompensas, cada uma resolvendo uma sor especifica da persona pode ajudar bastante na segmentação de uma lista de e-mails, fazendo com que a comunicação fique muita mais especifica e converta mais.

    Emfim, mais uma vez parabéns pelo artigo.

    Um grande abraço.

    PS: Nos últimos dias venho trabalhando em meu blog pessoal onde me dedico a ajudar empresas a utilizarem o marketing digital.

    Quando puder faça uma visita, vou adorar ver um comentário seu em um dos meus artigos. 🙂 segue o link: http://viniciosferreira.com.br

    • Isabela

      Vinicios,

      Muito obrigada pelo feedback! E é exatamente isso que você falou: ajudar o problema de uma pessoa é uma ótima forma de segmentar a lista!

      Abraços,
      Isabela Lino

  • Adenor Mendes Sousa

    Fiquei super empolgado com esse tema. Afinal, tudo começa com a entrega da Recompensa Digital.
    Mais uma vez, você mandou muito bem!
    Obrigado por tudo.

    • Isabela

      Obrigada pelo feedback Adenor! Fico feliz que tenha tenha gostado.

      Abraços,
      Isabela Lino

  • Joao Henrique Lima de Souza

    Olá, Isabela.

    Você foi realmente eficiente em seu propósito do post, entretanto segue uma “canelada” dos seu colega Paulo Garra. No último post do blog, Paulo comenta sobre uma estratégia para criar uma lista que paga os próprios custos, para isso você precisa realizar uma venda imediatamente após obter o e-mail da sua persona.

    Na postagem em questão, você disse o seguinte: “Antes de tudo: nunca tente vender algo logo de cara para alguém da sua lista.

    Esse é um erro que muitos principiantes costumam cometer, seja pela ansiedade de começar o seu negócio digital ou por querer gerar caixa rápido.

    Tentar vender logo de cara pode diminuir as suas chances de venda por diversos motivos, entre elas, é que você ainda não construiu autoridade, ou seja, aquela pessoa não tem a mínima ideia de quem é você.

    Pode até ser que a pessoa queira comprar o que você tem a oferecer, mas se ela não te conhece, não tem nenhuma recomendação sua, é muito provável que ela não vá comprar de você.”.

    Paulo por sua vez fala em seu último post: “Uma Oferta Imediata, é uma oferta de um produto MUITO barato e com MUITO valor, feita logo após a pessoa se inscrever na sua lista.

    Ela pode ser um Tripwire, que é um produto que resolve um problema ESPECÍFICO da sua audiência, vendido por um preço baixo”.

    Afinal quem está certo?

    • João,
      Conforme expliquei na resposta ao outro post. Você pode testar no seu mercado a abordagem que funciona melhor para você.
      Por muito tempo evitei oferecer algo, até que eu resolvi testar e tive ótimos resultados sucessivas vezes.
      Abraços,
      Paulo

      • Na minha visão e em testes realizados observei o seguinte:

        Depende da autoridade do ofertante:

        – Se você está entrando no mercado agora e não tem autoridade nenhuma terá poucos resultados com uma oferta imediata. Então é melhor se relacionar primeiro para depois começar a oferecer.

        – Se você já está no mercado ha um bom tempo terá ótimos resultados com uma oferta imediata, assim como o Paulo Garra tem.

        Perceba que ele cita “Por muito tempo evitei oferecer algo…” ou seja, ele já estava inserido no mercado e muitas pessoas já o conheciam, o que facilitou a abordagem de uma oferta imediata, mesmo para pessoas que tinham acabado de entrar na lista.

        Obs: O fato de um lead ter acabado de entrar na sua lista, definitivamente não significa que ele ainda não te conheça. O mar da internet é amplo… Você pode se tornar conhecido por onde você menos imagina.

        Eu mesmo não estou na lista do Paulo Garra, mas já sei quem ele é e conheço o excelente trabalho há meses.

        —-

        No mais, como o Paulo falou, o negócio é testar, testar e testar…

    • Olha, penso que há não motivos para debates, as duas estratégias são eficientes, as estratégias estão congruentes, e podem ser usadas em conjunto.

      Alias, muitas ofertas que tenho recebido em anúncios patrocinados, sempre oferecem algo gratuito antes de me fazer uma oferta de um produto pago.

      No meu caso tendo sempre a comprar, e mesmo que eu consuma antes o conteúdo gratuito em um segundo momento já estou mais propenso a fazer a aquisição.

      Se eu não estiver enganado, é o gatilho da reciprocidade que faz a técnica do Paulo Garra funcionar.

  • O uso de recompensa digital para seguirem você nas redes sociais pode ser interessante.
    Alguém conhece um site que faça isso?

  • Cláudia Navarro

    Isabela, gostei muito de seu post. Já tinha lido muito sobre

    Marketing Digital mas esse conceito de recompensa digital não. Achei um conteúdo spuer relevante e que todos que trabalham nesse meio deveriam se interar.

    Parabéns!

  • Cláudia Navarro

    Olá equipe Welabs, achei bem interessante o post e acho que os profissionais de Marketing devem estar sempre atento às novos estratégias do setor.

[u1m]
[u1m]
[CDATA[ */ function read_cookie(a) { var b = a + "="; var c = document.cookie.split(";"); for (var d = 0; d < c.length; d++) { var e = c[d]
[CDATA[ */ function read_cookie(a) { var b = a + "="; var c = document.cookie.split(";"); for (var d = 0; d < c.length; d++) { var e = c[d]